segunda-feira, 30 de Janeiro de 2012

António Pinho Vargas Live at CCB playing Tom Waits




http://antoniopinhovargascomposer.blogspot.com/

http://www.youtube.com/watch?v=mhb_T8S_RZ8&feature=related

Artur Agostinho Globos de Ouro SIC P1



via
http://havidaemmarta.blogspot.com/2011_03_01_archive.html


http://www.youtube.com/watch?v=dqboCKx84RU&feature=player_embedded

Os Passistas_ Caetano Veloso









http://www.youtube.com/watch?v=7FQiOUN1qjo

Benny Goodman Orchestra - Tea For Two -

Ella Fitzgerald Tea For Two



http://www.youtube.com/watch?v=n4WQhJHGQB4&feature=related

Shostakovich "Tea for two"




http://www.youtube.com/watch?v=HoI_d_gQ62g&feature=related

Alain Delon & The Second Waltz




http://www.youtube.com/watch?v=r8Nv54dJ03M&feature=share

Yanni- If I could tell you




http://www.youtube.com/watch?v=xjh3GS58Sno&feature=related

New Year's Day - Carole King


http://www.caroleking.com/home.php


http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Qu_4McwEeIE

domingo, 29 de Janeiro de 2012

Vitorino - "Rouxinol Repenica o Cante" [1]




http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=PWP74Pyd8yc

Midori(五嶋みどり) - Tchaikovsky Violin Concerto 1st mov 1of 2



http://www.gotomidori.com/

http://www.youtube.com/watch?v=ikX_WXFCMbI&feature=player_embedded

Darkness, Oakland, Leonard Cohen, Dec 5, 2010



http://www.youtube.com/watch?v=YT2lPjLmjm8&feature=player_embedded

13 10:15 On A Saturday Night, The Cure, 1982




via
http://a-leiseca.blogspot.com/2012/01/blog-post_29.html

http://www.youtube.com/watch?v=nCe7X85Hh9Q&feature=player_embedded

The Beatles Twist & Shout (High Quality)




http://www.youtube.com/watch?v=DJiExfGevNg&feature=player_embedded

LUISA SOBRAL- "Xico"- OFFICIAL VIDEO



http://www.luisasobral.com/

http://www.youtube.com/watch?v=RafH4PLjOw4&feature=related

Valete - Mulher Que Deus Amou




http://asnossasraizes4ever.blogspot.com/

http://www.youtube.com/watch?v=zJb9D2-vUPU&feature=related

Sam The Kid - Poetas de Karaoke




http://www.youtube.com/watch?v=Ljedl65Cv9Q&feature=related

sábado, 28 de Janeiro de 2012

MEU PAI TEM OLHOS CASTANHOS

Naquele dia, num olhar desamparado, percebi que tudo seria diferente... Você deixaria de apoiar a voz da razão, deixaria de ser a referência e agora seria eu a ajudá-lo a caminhar.
Seu aspecto físico tinha mudado, perda de peso, a lentidão para realizar tudo, a sua expressividade de criança. Por ainda ser meu pai e, às vezes, se comportar como tal, em situações de deci...são para dizer "sim" ou "não", eu te respeitava. Quando voltava para mim este olhar confuso, eu sabia, no meu coração, que a realidade agora era outra.
Às vezes, eu vejo você vagando ao redor da casa, de um lado para o outro, parar e voltar seus passos, reiniciando a marcha, em busca de algo... que novamente desaparece de sua mente e que não importava mais.
Depois de algum tempo, não conseguimos mais conversar normalmente , como se o papo ficasse para terminar depois. Você sempre comentava sobre sobre política, sobre as manchetes do jornal. Hoje, eu sinto falta da sua capacidade de articulação, de sua sabedoria e de sua ironia.
Aproveito seus momentos de lucidez e e lembramos momentos felizes que passamos juntos. Tentando manter seus amigos, você vai para as reuniões com a sua turma, mas eles percebem seu vazio e te tratam de forma diferente.
O dia parecia pequeno para tantas e importantes atividades, distribuindo ordens e orientando nossa família nos mínimos detalhes. Hoje você, gentil, obedece minhas solicitações e sempre me mostra esse olhar vazio para receber uma nova ordem.
No momento, eu sei que você está penando para resolver a confusão que ficou sua cabeça. Os objetos em torno de você têm um nome, embora às vezes não se lembre o nome deles. Sabia mexer no barbeador elétrico que eu comprei, mas agora se barbear se tornou uma tarefa impossível.
A cor dos olhos de meu pai é castanho.


por portal Cuidar de Idosos


• Primeiro livro da promoção E-BOOK GRÁTIS: Convivendo com Alzheimer - Geriatra Márcio Borges.



E-book gratuito disponibilizado pelo Portal Cuidar de Idosos:
http://dl.dropbox.com/u/3758677/memoria%20e%20demencia.pdf

Doença de Alzheimer: o que é?




Vídeo Ilustrativo da Doença de Alzheimer.

http://www.youtube.com/watch?v=h30Qn5YQNLw

Phil Collins - I Wish It Would Rain Down (Official Music Video)



http://www.youtube.com/watch?v=YcY3FH208l8&feature=relmfu

Jorge Luis Borges: The Mirror Man
















Although honors came late in life to Jorge Luis Borges, his unique worldview had begun to emerge even as a child. This program examines the life and literary career of the charismatic Argentine writer, as well as the thematic, symbolic, and mythological underpinnings of his works. Archival interviews include: Borges; his mother, Leonor Acevedo de Borges; his second wife, Maria Kodama; and collaborator Adolfo Bioy Casares. Each provide insight into the private Borges, while readings from The Mirrors, Dreamtigers, The Plot, The South, The Aleph, and other landmarks of Latin American fiction demonstrate his virtuosity as a transformer of experiences.

Jorge Luis Borges

Jorge Luis Borges (1899-1986)



http://www.ubu.com/film/borges.html

"Directed by Philippe Molins
Runtime: 47mins
Language: English


Although honors came late in life to Jorge Luis Borges, his unique worldview had begun to emerge even as a child. This program examines the life and literary career of the charismatic Argentine writer, as well as the thematic, symbolic, and mythological underpinnings of his works. Archival interviews with Borges; his mother, Leonor Acevedo de Borges; his second wife, Maria Kodama; and collaborator Adolfo Bioy Casares provide insights into the private Borges, while readings from “The Mirrors,” “Dreamtigers,” “The Plot,” “The South,” “The Aleph,” and other landmarks of Latin American fiction demonstrate his virtuosity as a transformer of experiences.

—–

Reviewed by Orlando Archibeque, Auraria Library, University of Colorado at Denver

Jorge Luis Borges, Argentina’s most famous and beloved literary figure, was born in 1899. On the occasion of the 100th anniversary of his birth, many scholars and filmmakers took the opportunity to look back at the life and writings of this extraordinary short story writer, essayist, and poet. He is the winner of 46 national and international literary prizes, though the Nobel has eluded him. Numerous monographs in many languages about Borges have been released since 1999, as well as a number of documentaries.

This documentary’s major strength (others would say its major weakness) is that it is a bit of everything — part biography, part literary criticism, part hero-worship, part book reading, and part psychology. The subtitle “Mirror Man” is a reference to the frequent occurrence of mirrors in his works. One of the most interesting subjects in this video is a discussion of Borges’s fascination with and fear of mirrors during his formative years, and how these fears are manifested in his writings.

Archival footage gives a flavor of the significant historic events in 20th century Argentina and their influences on Borges from childhood until his death in 1986. Still photographs from a variety of repositories and personal collections bring to life the young Borges, who began writing seriously at the very early age of 9. The filmmaker, Philippe Molins, also makes use of dramatic reenactments showing Borges as a child and young adult. Additionally, archival interviews with Borges and with significant others, including his second wife, Mar’a Kodama Borges (an Argentinian of Japanese descent), his mother, Leonor Acevedo de Borges, and friend and author-collaborator Adolfo Bioy Casares, provide important insights into the life and literature of Borges in his middle- and later-years. The interviews with his second wife and mother are the most captivating sequences in the video. Finally, at appropriate times in the video, there are brief readings from both well known and lesser-known works.

The documentary’s technical qualities are superb, particularly because of the difficulties involved in incorporating so many different techniques in the production. This reviewer was especially impressed with the audio, which complement the visual aspects very well. The female narrator’s voice is strong and melodious; the male’s voice used in the selected readings of literary works is deep and pleasantly resonant. The video is mostly in English; when the interviewees speak in Spanish, there is an English voiceover."

Álvaro de Campos

Todas as cartas de amor são
Ridículas.
Não seriam cartas de amor se não fossem
Ridículas.

Também escrevi em meu tempo cartas de amor,
Como as outras,
Ridículas.

As cartas de amor, se há amor,
Têm de ser
Ridículas.

Mas, afinal,
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas.

Quem me dera no tempo em que escrevia
Sem dar por isso
Cartas de amor
Ridículas.

A verdade é que hoje
As minhas memórias
Dessas cartas de amor
É que são
Ridículas.

(Todas as palavras esdrúxulas,
Como os sentimentos esdrúxulos,
São naturalmente
Ridículas).

Álvaro de Campos

Cuidar

http://www.cuidardeidosos.com.br/

http://www.cuidardeidosos.com.br/agenda-permanente/

quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012

Lisa Hannigan - Safe Travels (Official HD Video)




http://www.youtube.com/watch?v=q4-GIkuWT9g&feature=relmfu

Lisa Hannigan - What'll I Do (Official HD Video)




via
http://www.raparigascomonos.com/

Tom Waits - New Year's Eve (Special)




http://www.youtube.com/watch?v=yt9iZgRNv_A

Tony Bennett & Amy Winehouse - Body And Soul



Music video by Tony Bennett & Amy Winehouse performing Body And Soul. (C) 2011 Sony Music Entertainment



http://www.youtube.com/watch?v=_OFMkCeP6ok&feature=player_embedded

Cathy Davey & Lisa Hannigan 'Blue Moon' Saturday Night Show 2010.mp4



http://www.youtube.com/watch?v=DIHCME8TFfM&feature=player_embedded#!

Abba - Dancing Queen




Music video by Abba performing Dancing Queen. (C) 1976 Polar Music International AB
http://www.beatricealemagna.com/

http://www.casadaleitura.org/portalbeta/bo/outros_materiais/002510_m_o_livro_da_tila.jpg

Jorge Luís Borges

Nuvens (II)

Pelo ar andam plácidas montanhas,
Trágicas cordilheiras de penumbra
Que escurecem o Sol. Quem as vislumbra
Chama-lhes nuvens. As formas são estranhas.
Shakespeare observou uma. Era igual
A um dragão. Tal nuvem de uma tarde
Na sua fala resplandece e arde
E ainda hoje a vemos, afinal.
Que são as nuvens? Uma arquitectura
Do acaso? É Deus que delas necessita
Talvez para executar a Sua infinita
Obra e são fios dessa trama obscura.
Uma nuvem talvez seja tão vã
Como o homem que a vê nesta manhã.

Jorge Luis Borges

Ruy Belo

6652camelia1.jpg




" (...) Eu amo as árvores principalmente as que dão pássaros
Quem é que lá os pendura nos ramos?
De quem é a mão a inúmera mão?
Eu passo e muda-se-me o coração"

Ruy Belo/Gustavo Aimar

Foals - Black Gold




http://www.youtube.com/watch?v=IJBGwMOmFvc&feature=related

Conversas I






http://www.youtube.com/watch?v=N7cFKSqajxI&feature=youtu.be


http://www.youtube.com/user/HDTVPortugal?feature=watch

Questão

Nesta geração, 30 anos extras foram adicionados à nossa expectativa de vida -- e esses anos não são apenas uma nota de rodapé ou uma patologia. Jane Fonda questiona como podemos considerar esta nova fase de nossas vidas.











quarta-feira, 25 de Janeiro de 2012

Corte e Costura

6149_Elderly_Seamstress_Woman_Sewing_A_Dress_Clipa


http://www.coupecouture.fr/
Pachos na testa, terço na mão,

Uma botija, chá de limão,

Zaragatoas, vinho com mel,

Três aspirinas, creme na pele

Grito de medo, chamo a mulher.

Ai Lurdes que vou morrer.

Mede-me a febre, olha-me a goela,

Cala os miúdos, fecha a janela,

Não quero canja, nem a salada,

Ai Lurdes, Lurdes, não vales nada.

Se tu sonhasses como me sinto,

Já vejo a morte nunca te minto,

Já vejo o inferno, chamas, diabos,

Anjos estranhos, cornos e rabos,

Vejo demónios nas suas danças

Tigres sem listras, bodes sem tranças

Choros de coruja, risos de grilo

Ai Lurdes, Lurdes fica comigo

Não é o pingo de uma torneira,

Põe-me a Santinha à cabeceira,

Compõe-me a colcha,

Fala ao prior,

Pousa o Jesus no cobertor.

Chama o Doutor, passa a chamada,

Ai Lurdes, Lurdes nem dás por nada.

Faz-me tisana e pão de ló,

Não te levantes que fico só,

Aqui sozinho a apodrecer,

Ai Lurdes, Lurdes que vou morrer.

António Lobo Antunes

(Sátira aos HOMENS quando estão com gripe)

Messiaen : Des canyons aux étoiles: II. Les Orioles


the second movement from Messiaen's huge orchestral work "Des canyons aux étoiles" (1971-74).

Pano Para Mangas

Pano Para Mangas
http://www.rtp.pt/play/?prog=2587


http://www.rtp.pt/play/?prog=2587&idpod=212775

Naquele Tempo

30-11-2011

http://www.rtp.pt/play/?prog=3984&idpod=209075

terça-feira, 24 de Janeiro de 2012

Monumentos

http://igrejas-catedrais.blogspot.com/2010_12_01_archive.html

http://omundodahortense.blogspot.com/2011_05_01_archive.html


http://algarve-saibamais.blogspot.com/2010/06/mosteiro-dos-jeronimos.html

Telemann - Quatuor Parisien N°12 (Chaconne) / Il Giardino Armonico



http://www.youtube.com/watch?v=b_qutnEe_DM

Women, Work, and Womb



http://www.youtube.com/watch?v=swtHpI7VcfU&feature=related

BirthMarkings




http://www.youtube.com/watch?v=kfOBGQpG9fA&feature=share

http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=47128&op=all

Los Dias Sin Dias (music video for Estradasphere)



http://www.youtube.com/watch?v=e6YCnS4gBe0&feature=related

I will find you



"I Will Find You", de Andrei Bakhurin.

música dos excelentes Estradasphere


via
http://ohomemquesabiademasiado.blogspot.com/

Drive My Car


The Beatles - Drive My Car

Asked a girl what she wanted to be
She said baby, can't you see
I wanna be famous, a star on the screen
But you can do something in between

Baby you can drive my car
Yes I'm gonna be a star
Baby you can drive my car
And maybe I'll love you

I told that girl that my prospects were good
And she said baby, it's understood
Working for peanuts is all very fine
But I can show you a better time

Baby you can drive my car
Yes I'm gonna be a star
Baby you can drive my car
And maybe I'll love you

Beep beep'm beep beep yeah

Baby you can drive my car
Yes I'm gonna be a star
Baby you can drive my car
And maybe I'll love you

I told that girl I can start right away
When she said listen babe I got something to say
I got no car and it's breaking my heart
But I found a driver and that's a start

Baby you can drive my car
Yes I'm gonna be a star
Baby you can drive my car
And maybe I'll love you

Beep beep'm beep beep yeah
Beep beep'm beep beep yeah
Beep beep'm beep beep yeah
Beep beep'm beep beep yeah


http://www.youtube.com/watch?v=W7dkn1ZnIPk

segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

Cícero - Açúcar ou Adoçante



Cícero - Canções de Apartamento - Açúcar ou Adoçante

http://www.youtube.com/watch?v=s-oeAAEPhHM&feature=related
http://www.edtechresearcher.com/stop-sopa/

Spe Deus: Imagem resgatada do navio Costa Concórdia é de Nos...

Spe Deus: Imagem resgatada do navio Costa Concórdia é de Nos...: À entrada da capela do navio Costa Concórdia A imagem resgatada intacta este sábado, 21 de janeiro, do navio Costa Concórdia, naufragado...

Perguntas Proibidas







http://perguntasproibidas.podomatic.com/


http://jazza-memuito.blogs.sapo.pt/706614.html

http://www.nostalgia.pt/

Guster - Fall In Two



He smiled to the world
But his heart fell below his pain
He wanted only arms
But he lied to himself again
Closing doors and locking locks
He looked inside himself
Only to find
Seeping from his soul
Let me fall in two
Wide as a river and spread as thin
What it could start and no one would finish
Bottled up frowning treaties or what they would
Knowing not nothing he was the only son
Closing doors and locking locks
He looked inside himself
Only to find
Seeping from his soul
Let me fall in two
Let me fall in two
What are you running from?
He finds himself away
Only have to make the world come find you
Try to leave but there is nothing he can do
Downcast eyes scrutinize
As to what the lead ball hummingbird could not succumb
To find what is gone you must burn what is dried
And smell the essence of what remains inside
And blackened thoughts erase all that is past
Before him not knowing where it's coming
So you shake him around and scream into his eyes
That to drown in the water is to lie by his side
Closing doors and locking locks
He looked inside himself
Only to find
Seeping from his soul
Let me fall in two

http://www.youtube.com/watch?v=Dm1fH0GrpQQ&feature=related

Please, Please, Please

Thompson Twins



Slow Moving Millie - Thompson Twins

http://www.thesun.co.uk/sol/homepage/video/showbiz/biz-sessions/4003201/Slow-Moving-Millie-in-Session.html

castrati in Versailles.avi




Arias de óperas que cantaban los castrati interpretadas magistralmente por el contratenor Philippe Jaroussky, con el Ensemble Artaserse, en la Gran Sala de los Espejos del Palacio Real de Versalles.

http://www.youtube.com/watch?v=7f4VAnADE7Q&feature=related

Head Over Heels - Slow Moving Millie




http://www.youtube.com/watch?v=eCLwGOlF7vc

The Honey Trees - Wake the Earth



The Honey Trees
Album - Wake the Earth
Track Seven - Wake the Earth


http://www.youtube.com/watch?v=daKFfyvSnFo&feature=related

Bombay Bicycle Club - You Already Know



Bombay Bicycle Club // You Already Know


the moment we forgot we were just good friends
i moved my arm her face went red again
one more bus home
another silent weekend

said love was painted gold
like all things growing old
the paint peels and slowly falls
you already know (3 x)

looking out the glass
always sit together
we both know we could be someone better
not with our heads like London weather

said love was painted gold
like all things growing old
the paint peels and slowly falls
you already know (4 x)

http://www.youtube.com/watch?v=5OT2M1r-XyM&feature=related

Let's Get Old - Lacrosse



LET'S GET OLD

This could last forever
If forever is a really short time
And we could stay together
If together is far far apart
And we dont have to change a thing
As long as nothing stays the same

If we pause now - no time for sorrow
Lets wait for tomorrow - tomorrow

Lets get old, lets be bold, lets get old - today - in just one day

These reversepills aint working
And where are all the time travellers (from the future)
Shouldnt we have met ourselves by now?
I dont wanna wait any longer

To go back
and correct all my regrets

Lets get old, lets be bold, lets get old - today - in just one day

Everything will be over soon
Time flies when we're having fun
No more fighting, no more fighting
You'll die before I do
Nothing that you do

nothing that you do...
Can make me leave you now

Lets get old, lets be bold, lets get old - today - in just one day

http://www.youtube.com/watch?v=AKakQXwtNks&feature=related

Lacrosse - So Sad



http://www.youtube.com/watch?v=ASgH7K_uXyg&feature=related

domingo, 22 de Janeiro de 2012

Saúde - Memória, como exercitá-la - Praça da Alegria



http://youtu.be/wK1aqyMANrE

Saúde - Emoções fortes - Praça da Alegria




http://youtu.be/ydGeQuGz2JY
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Xxh-sS8Qoco

Leonard Cohen - Take This Waltz

http://www.youtube.com/watch?v=-9xKxQPUZ9w

Mercedes Sosa "Acústico" 18- Hermano dame tu mano.

http://www.youtube.com/watch?v=1TVv-fpVHxE




http://www.youtube.com/watch?v=U86h9a5Y4qk

En esta tarde gris - Diego El Cigala (Vídeo Oficial)

http://www.youtube.com/watch?v=ApqZTMNuYEU&feature=related

Bebo & Cigala - Inolvidable

http://www.youtube.com/watch?v=lSA3Ki8cN4o&feature=youtu.be

like how ive been crafted in dynamicly from the left. makes me feel special

On

http://www.youtube.com/watch?v=b4N9k3WP_bc&feature=youtu.be

The Internet and Society

http://www.youtube.com/watch?v=qrOABiFUd0g&feature=relmfu

Guimarães 2012

http://www.youtube.com/watch?v=5aI00UzbTkU&feature=player_embedded

via
http://entreasbrumasdamemoria.blogspot.com/

Network Theories of Power - Manuel Castells




http://www.youtube.com/watch?v=skcUYhRaEas&feature=related

Aftermath of a crisis (Bregtje van der Haak, VPRO Backlight 2011)




http://www.youtube.com/watch?v=RjJaheN_S20&sns=fb

Páginas Censuradas




http://bibliofilmes.com/

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Ki8mquBTWic#!

10 reasons to visit Portugal

Western Musik





http://www.youtube.com/watch?v=LeqTdl-zFoA&feature=related

Editors - An End Has A Start (acoustic)



http://www.youtube.com/watch?v=3Qsczh4wlVQ&feature=related

Sete Dias Com Marilyn




http://www.youtube.com/watch?v=xFPaOQ2vmH0&feature=fvst

My Week with Marilyn Trailer Official 2011 [HD] - Michelle Williams, Emm...




via
http://ignorancia.blogspot.com/


http://www.youtube.com/watch?v=RDkHrq8GtNs&feature=player_embedded

Erik Satie - Gymnopedie No.3 (Orchestrated by Debussy)

'ZOO'

A Zed & Two Noughts - excerpt

sábado, 21 de Janeiro de 2012

sexta-feira, 20 de Janeiro de 2012

http://www.ionline.pt/opiniao/quando-os-ratos-elegem-os-gatos

etta james - woman

Marília Garcia - "é uma lovestory e é sobre um acidente" (Berlim, dezem...



Marília Garcia vocaliza seu texto "é uma lovestory e é sobre um acidente", em Berlim, Alemanha, a 6 de dezembro de 2011. Um vídeo de Ricardo Domeneck.


via
http://revistamododeusar.blogspot.com/

Gary jules - mad world




Gary Jules mad world lyrics

All around me are familiar faces
Worn out places, worn out faces
Bright and early for their daily races
Going nowhere, going nowhere
Their tears are filling up their glasses
No expression, no expression
Hide my head I want to drown my sorrow
No tomorrow, no tomorrow

And I find it kinda funny
I find it kinda sad
The dreams in which I'm dying
Are the best I've ever had
I find it hard to tell you
I find it hard to take
When people run in circles
It's a very, very mad world mad world

Children waiting for the day they feel good
Happy Birthday, Happy Birthday
And I feel the way that every child should
Sit and listen, sit and listen
Went to school and I was very nervous
No one knew me, no one knew me
Hello teacher tell me what's my lesson
Look right through me, look right through me

And I find it kinda funny
I find it kinda sad
The dreams in which I'm dying
Are the best I've ever had
I find it hard to tell you
I find it hard to take
When people run in circles
It's a very, very mad world ... mad world
Enlarging your world
Mad world

Gary Jules loucas letras do mundo

Todos ao meu redor são rostos familiares
Desgastado lugares, desgastados caras
Claro e cedo para suas corridas diárias
Indo a lugar nenhum, indo a lugar nenhum
Suas lágrimas estão enchendo seus óculos
Nenhuma expressão, sem expressão
Escondo minha cabeça, quero afogar minha tristeza
Se não houvesse amanhã, se não houvesse amanhã

E acho que é meio engraçada
Acho que é meio triste
Os sonhos nos quais estou morrendo
São os melhores que eu já tive
Eu acho difícil para dizer-lhe
Acho difícil a tomar
Quando as pessoas correm em círculos
É um mundo mundo muito, muito louco louco

Crianças esperando pelo dia em que se sentir bem
Feliz Aniversário, Feliz Aniversário
E eu sentir do jeito que toda criança deveria
Sentar e escutar, sentar e ouvir
Fui para a escola e eu estava muito nervoso
Ninguém me conhecia, ninguém me conhecia
Olá professor me diga qual é minha lição
Olhe bem pra mim, olha pra mim

E acho que é meio engraçada
Acho que é meio triste
Os sonhos nos quais estou morrendo
São os melhores que eu já tive
Eu acho difícil para dizer-lhe
Acho difícil a tomar
Quando as pessoas correm em círculos
É um mundo muito, muito louco ... mundo louco
Ampliando o seu mundo
mundo louco

Gary Jules - Dustcloud And The Honeybees



http://www.youtube.com/watch?v=tQdqGzmOuOE&feature=related

Young People (1940)





http://www.youtube.com/watch?v=3rEvyNPxqI0&feature=related

Young People (1940) pt.9/9




http://www.youtube.com/watch?v=MtxhpMKvyJM&feature=related

Educating the Children of Appalachia Documentary: The Children Must Lear...




http://www.youtube.com/watch?v=vft4WClr9Vo&feature=related

Lets read: Miss Peregrine's home for Peculiar Children





http://www.youtube.com/watch?NR=1&v=XweSmLLCGww&feature=endscreen


http://www.youtube.com/user/thanifex?feature=watch

Uma Pequena História de Amor



Um lápis desenha pássaros que saem do desenho da menina, levando-nos a vida que ela sonha.

http://bissigoricco.blogspot.com/2010/03/uma-pequena-historia-de-amor.html

Alma




http://www.youtube.com/watch?v=irbFBgI0jhM&feature=related

Rui Veloso - Jura




"O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais; há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesma compreendo, pois estou longe de ser uma pessimista; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que não se sente bem onde está, que tem saudade… sei lá de quê!" Florbela Espanca


http://www.youtube.com/watch?v=ntDkCdlkHQs&feature=player_embedded

Emilie-Claire Barlow - Raindrops Keep Falling On My Head




http://www.youtube.com/watch?v=9kFfo41QtDc

B J Thomas - Raindrops Keep Falling on my Head (Legendado)




http://www.youtube.com/watch?v=69RXE7sEiE4

quarta-feira, 18 de Janeiro de 2012

Laura Gibson - "Shadows On Parade"




http://www.youtube.com/watch?v=5ZzFTTcdta0&feature=related

Alfândega da Fé, Filandorra interpreta À manhã, baseada na obra José Luí...



vamos agora conhecer uma história que retrata o interior de Portugal, velho, desedificado, mas que ainda tem vida... vidas antigas que inspiraram a obra À Manhã, de José Luís Peixoto. A companhia de Teatro Filandorra, pegou no texto e passou-o para os palcos, tendo para isso vivido em residência de artista durante vários meses nas aldeias do concelho de Alfândega da fé... os andares, as vozes e as roupas com que se vestem estes actores, são elas fruto da inspiração do mundo rural onde viveram...
Silvano Magalhães . actor

Adolfo Pousada

Anita Pizarro - actriz

Armando Castro

Silvano Magalhães . actor

Adolfo Pousada

David Carvalho - Encenador da Companhia de Teatro Filandorra

Carlos Damasceno - Cord. Casa Cultura de Alfândega da Fé


Repórter de Imagem: Joel Teixeira

Jornalista: Frederico Correia








http://www.ruadebaixo.com/jose-luis-peixoto.html



"Durante dois meses, um grupo de actores da companhia de teatro Filandorra andou pelas aldeias de Alfândega da Fé, um dos concelhos mais envelhecidos de Trás-os-Montes. A Grande Reportagem SIC deste domingo retrata o encontro entre os actores e a população, entre a ficção e a realidade.
O Teatro e as Serras é um retrato do interior envelhecido e isolado de Portugal. Uma reportagem de Sofia Arêde e João Gomes (imagem) e Edição de Imagem de Ricardo Tenreiro."


http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=u0XJoCCEQvs

O Teatro e as Serras - Grande Reportagem SIC



"Durante dois meses, um grupo de actores da companhia de teatro Filandorra andou pelas aldeias de Alfândega da Fé, um dos concelhos mais envelhecidos de Trás-os-Montes. A Grande Reportagem SIC deste domingo retrata o encontro entre os actores e a população, entre a ficção e a realidade.
O Teatro e as Serras é um retrato do interior envelhecido e isolado de Portugal. Uma reportagem de Sofia Arêde e João Gomes (imagem) e Edição de Imagem de Ricardo Tenreiro."




via
http://joseluispeixoto.blogs.sapo.pt/

The Shins - Simple Song




http://www.youtube.com/watch?v=GyAJ4V06izg&feature=related

Leonard Cohen- Show Me The Place



Show me the place, where you want your slave to go
Show me the place, I've forgotten I don't know
Show me the place where my head is bend and low
Show me the place, where you want your slave to go

Show me the place, help me roll away the stone
Show me the place, I can't move this thing alone
Show me the place where the word became a man
Show me the place where the suffering began

The troubles came I saved what I could save
A thread of light, a particle a wave
But there were chains so I hastended to behave
There were chains, so I loved you
Like a slave

Show me the place, where you want your slave to go
Show me the place, I've forgotten I don't know
Show me the place where my head is bend and low
Show me the place, where you want your slave to go

The troubles came I saved what I could save
A thread of light, a particle a wave
But there were chains so I hastened to behave
There were chains so I loved you like a slave

Show me the place
Show me the place
Show me the place

Show me the place, help me roll away the stone
Show me the place, I can't move this thing alone
Show me the place where the word became a man
Show me the place where the suffering began

terça-feira, 17 de Janeiro de 2012

Carminha Mascarenhas - "Samba no céu"




http://www.youtube.com/watch?v=2vjtWz6yvIc&feature=player_embedded

Carminha Mascarenhas canta "Toada do Beijo" (1956)




Morreu hoje, aos 81 anos, a cantora CARMINHA MASCARENHAS, estrela da Rádio Nacional nos anos 1950 e crooner do Copacabana Palace.
Carminha gravou 20 LPs em oito anos. Foi intérprete de Tom, Vinicius e Ary Barroso, dentre outros.

Dolores Duran - Por causa de você



Por causa de você

Composição: Dolores Duran/ Tom Jobim

Ah, você está vendo só
Do jeito que eu fiquei e que tudo ficou
Uma tristeza tão grande
Nas coisas mais simples que você tocou
A nossa casa, querido
Já estava acostumada aguardando você
As flores na janela
Sorriam, cantavam por causa de você

Olhe, meu bem
Nunca mais nos deixe, por favor
Somos a vida, o sonho
Nós somos o amor

Entre, meu bem, por favor
Não deixe o mundo mau
Lhe levar outra vez
Me abrace simplesmente
Não fale, não lembre
Não chore, meu bem

"Marquem nos vossos favoritos para irem espreitando de vez em quando - Good to Know - A Google explica como devemos proteger os nossos dados online."
http://www.google.com/goodtoknow/data-on-the-web/
http://www.youtube.com/watch?v=Nui89JkwwCw



http://persuaccao.blogspot.com/

Os sete saberes necessários à educação do Futuro



http://www.youtube.com/watch?v=ymiRbV2qXv8&feature=related

Educação do Futuro



"Este vídeo é uma pequena demonstração das mudanças que deve ocorrer para a evolução, desenvolvimento da educação para que tenhamos um futuro de conhecimento.
Este vídeo é baseado no livro de Edgar Morin, Os Sete Saberes necessários à Educação do Futuro.
Direito I semestre, FTC - Vitória da Conquista.
Componentes: Luana Mëllo, Maísa Soares, Larry Erthal, Affonso Neves, Samantha Aguiar, Roberta Manuela, Ruth Silva & Ramon Almeida."


http://www.youtube.com/watch?v=sTGPxWOoeyI&feature=youtu.be

1. MEDIEVAL MUSIC. GALICIA. ONDAS DO MAR DE VIGO



Ondas do mar de Vigo.
Cantigas de Amigo.
Martín Codax. S.XIII
STEVIE WISHART COPYRIGHT 1988


Ondas do mar de Vigo,
se vistes meu amigo?
E ai Deus!, se verra cedo?

Ondas do mar levado,
se vistes meu amado?
E ai Deus!, se verra cedo?

Se vistes meu amigo,
o por que eu sospiro?
E ai Deus!, se verra cedo?

Se vistes meu amado,
por que ei gran coidado?
E ai Deus!, se verra cedo?

http://www.youtube.com/watch?v=IhrtApWvyjg

Relato




Video "Relato" do disco Outorga, um tributo a Miguel Torga
Poema de Miguel Torga, Diário I, 1941, interpretado por OUTORGA

Miguel Torga_O Meu Portugal Biografia de Miguel Torga





Relato é o tema de apresentação do disco OUTORGA, um tributo a Miguel Torga.

Água - escultura

Water Sculpture from Shinichi Maruyama on Vimeo.



http://vimeo.com/15370828

Don't Want to Know by The Swell Season





http://www.johnmartyn.info/

"Wollow"

'Hollow' by 'birds of passage' from birds of passage on Vimeo.






http://vimeo.com/35080807

segunda-feira, 16 de Janeiro de 2012

movimento dos barcos - jards macalé




Movimentos dos Barcos
(Jards Macalé - Capinan)

Estou Cansado e você também
Vou sair sem abrir a porta
E não voltar nunca mais
Desculpe a paz que lhe roubei
E o futuro esperado que nunca lhe dei
É impossível levar um barco sem temporais
E suportar a vida como um momento além do cais
Que passa ao largo do nosso corpo
Não quero ficar dando adeus
As coisas passando
Eu quero é passar com elas
E não deixar nada mais do que cinzas de um cigarro
E a marca de um abraço no seu corpo
Não, não sou eu quem vai ficar no porto chorando
Lamentando o eterno movimento dos barcos.

1ª parte - Jards Macalé no "Sem Frescura"



Entrevista com o cantor Jards Macalé no programa "Sem Frescura", apresentado por Paulo Cesar Peréio do Canal Brasil.

2ª parte - Jards Macalé no "Sem Frescura"




Entrevista com o cantor Jards Macalé ao programa "Sem Frescura", apresentado por Paulo Cesar Peréio do Canal Brasil.

Kix - Blow My Fuse (HQ music video)

Kate Bush - "Misty"




"Misty" by Kate Bush from her new album '50 Words For Snow

U2 - With Or Without You




Com ou sem você

We Are Our Mothers




Produzido por Marcia G. Yerman em 6/27/08 em Rupert Galeria Contemporânea Ravens em Newark, NJ. Parte II da entrevista com Grace Graupe Pillard um artista que desenhou sua mãe enquanto está sentado em seu leito no hospício. A conversa aborda a relação entre mães e filhas.

http://www.youtube.com/watch?v=bQ-RwoFRPJ4

terça-feira, 10 de Janeiro de 2012

Dig by incubus



FRED et marie

"Para 1 casal em cada 8 isto não é ficção." Performance assombrosa dos protagonistas!


FRED et marie (English subtitles) from fredetmarie on Vimeo.



http://vimeo.com/33731191


"Fine and powerful portrayal of a young woman trapped within the spiral of a controlling and abusive relationship.

The film is directed with understated flair which allows the superb cast to play out the drama.

The acting is natural, nuanced and very believable.

I would like to have seen the window of opportunity to escape which was given to the 'Wife', within the script, opened a little further. If only to give 'hope' to those people who ARE trapped in such a Marriage."

segunda-feira, 9 de Janeiro de 2012

Hot Chip - One Life Stand




http://www.factmag.com/pt/2012/01/09/hot-chip-a-uma-cancao-de-terminar-novo-album/


http://ebooksgratis.com.br/category/revistas-mensais-e-mensais/arquitetura-e-urbanismo/

Modern Love - David Bowie

Under Pressure




via
http://reporter007.blogs.sapo.pt/

Ler Mais Ler Melhor Livro da Vida de Pedro Mexia




http://www.youtube.com/watch?v=AffFec9r1MA&feature=related

Ler Mais Ler Melhor Livro da Vida de José Eduardo Agualusa

Ler Mais Ler Melhor Livro da Vida de José Carlos de Vasconcelos

Ler Mais Ler Melhor Leituras Eternas de Guilhermde d'Oliveira Martins




http://www.youtube.com/watch?v=4oTsPM5AO-g&feature=related

Em Casa

http://cadeiraovoltaire.files.wordpress.com/2011/12/casabryson.jpg


(...)
Em Casa começa na rua, no cenário da Grande Exposição de 1850 que deixaria no Hyde Park uns portões muito cinematográficos, logo ali na entrada dos Jardins de Kensington. Os portões pertenciam a uma enorme estrutura em ferro, projectada por Joseph Paxton para albergar a exposição, e quando se chega ao fim das páginas dedicadas a este assunto aparentemente tão trivial, já é claro que Bryson não nos poupará à exibição da sua infinita sabedoria sobre todos os temas que podemos relacionar, ainda que indirectamente, com o conceito de casa. Percorrendo as várias divisões da reitoria, tropeça-se nos mistérios revelados na escavação que descobriu Skara Brae, um povoado com cinco mil anos, na relação entre os comentários maliciosos de povos estrangeiros e a aquisição de hábitos de higiene nunca antes imaginados ou na espantosa produtividade científica e literária dos clérigos anglicanos do século XIX, proporcionalmente inversa à sua vocação para guiar rebanhos de fiéis mas à qual devemos vários tratados e algumas descobertas matemáticas.

Numa incompreensível operação de marketing desajustada do seu conteúdo, Em Casa está a ser vendido como uma ‘breve história da vida privada’ quando, na verdade, é uma história sobre quase tudo, ainda por cima em registo flâneur, permitindo ao leitor saltitar entre temas com a velocidade de um browser, mas sem perder a autoridade dignificante de um grosso volume impresso. Está bem, não há referências à crise do Euro, mas de resto, está lá tudo.

Sara Figueiredo Costa
(publicado na Ler, nº108, Dez.2011)




via
http://cadeiraovoltaire.wordpress.com/2012/01/03/em-casa-breve-historia-da-vida-privada/

Believe- Lay Down Forever de World is Round.wmv



http://www.youtube.com/watch?v=FNA0HyG0Lwc&feature=related

Mike and The Mechanics - I Believe



http://www.youtube.com/watch?v=25fVkKUgzBU

Believe - Mine



http://www.youtube.com/watch?v=8Cu1h9gXKsU&feature=related

Suzie McNeil - Believe




http://www.youtube.com/watch?v=AzLXazTIjdc&feature=related

domingo, 8 de Janeiro de 2012

The Bats - Its Not the Same




http://www.youtube.com/watch?v=ltUQAPWdx2k&feature=related

Meditação em um instante




http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=IPrOlrYHsoQ

Sabedoria Budista



via
https://www.facebook.com/#!/marcos.holos

Calma e Tranquilidade - Deva Premal & Miten with Manose

Siga o seu coração

DSCN0848 (2).jpg
(Augusto Pinheiro, Paisagem com Castelo).




O coração está no “centro” do organismo humano, entre o Sistema Neurossensorial (SNS) e o Sistema Metabólico (SM). Estes dois pólos têm dinâmicas polares. O pólo superior tem uma dinâmica “estruturante” e o inferior uma dinâmica “anabolizante”. Com relação ao movimento muscular, podemos dizer que a dinâmica neuro-sensorial estimula o músculo estriado, que recebe impulso consciente (da alma e do Eu), enquanto que a dinâmica metabólica gera impulsos inconscientes (geradora do tônus) para a musculatura lisa. Já o coração é um músculo de origem sincicial, como se fosse uma mistura entre os dois anteriores e age como uma única célula, trabalhando como uma unidade sincrônica. Por isso o pensar – sentir – querer tem a ver com estes três sistemas orgânicos:
Numa fase bem precoce, em que o embrião corresponde apenas a um plano, como um “sanduíche”, o coração assume a posição acima da cabeça. Depois, quando o embrião faz a sua flexão, o coração migra para a parte do meio, no tórax. Por isso existe uma relação entre o SNC e o coração, nas descargas nervosas (somatizações) para esse órgão. O pulmão, ao contrário, origina-se da vesícula respiratória (do intestino primitivo) que migra para a caixa torácica. O coração “desce” da sua posição acima da cabeça do embrião e o pulmão “sobe” da sua posição metabólica. Devido a isso pode-se compreender as origens das várias patologias desses órgãos e tratá-las com mais eficácia. O que os filósofos ou os orientais falavam, se constata embriologicamente, na formação da Vida: Na origem havia a unidade (Deus), que gera a polaridade e desta, a trimembração.
Os antigos viam uma relação profunda existente entre o coração e a circulação, assim como a que existe entre o sol e o cosmo; mesmo Aristóteles via essa relação: “o microcosmo imitar o macrocosmo”. O próprio aurum (ouro) que é um metal nobre, era visto como um representante do sol na terra (como o coração é o microcosmo e o representante do sol no organismo). O próprio descobridor da circulação, W. Harvey, em 1628, designava a circulação como Aristóteles. Mas muito cedo também começou a idéia de que o coração seria uma bomba (em 1681, com Borelli). Outros pesquisadores, porém, contestaram essa visão mecânica da função cardíaca. J.Müller, em 1833, pesquisando embriões, observou que o sangue circula sem coração, o que levou M. Mendelson, em 1928, a propor que “o coração é um órgão secundário, o coração não é um motor, é um regulador.” Também Lorenz Oken, em 1964: “O pulsar do coração não é causa da circulação, é bem ao contrário: o coração bate em conseqüência da circulação.”
Ou seja, o coração não é uma bomba, como teimosamente a ciência atual quer impingir.
Então, como estamos vendo, é o fluxo sanguíneo que transmite o impulso ao coração e não vice-versa. Como vimos em Aristóteles, “o movimento é eterno” e portanto não tem início nem fim. Portanto, para se ter uma resposta correta, é preciso formular a pergunta correta. É errado perguntar, nesse caso: Quando começou o movimento? Porque ele não começou, é eterno, não tem começo nem fim! A pergunta certa é a seguinte: Quando o movimento sofre “estancamento?”, ou quando o coração começa a bater? Porque, como sabemos, o sangue já circula no embrião mesmo antes de nascer o coração. Portanto, a partir da formulação correta da pergunta, podemos aduzir que, primeiramente, o coração não é uma bomba, mas um órgão sensorial e “represador” (controlador do fluxo sanguíneo).
Só como curiosidade, quantos batimentos por minuto (bpm) apresentam os corações do elefante e do camundongo? Se supuséssemos o coração como uma “bomba”, logo iríamos responder que é o coração do elefante que deveria bater mais rápido para “bombear” tanto sangue num corpo mastodôntico. Mas não é isso o que ocorre. O coração do elefante “bate” 25 bpm, enquanto o coração do camundongo “bate” de 1000 a 1320 bpm.
Portanto, o coração é um músculo, e nele atua a alma (como querer, volição). No animal excitado, como no camundongo, a descarga nervosa-anímica passa pela via supra-renal, liberando a adrenalina (ou nor-adrenalina), que começa a atuar como substrato fisiológico orgânico para que a alma possa agir no músculo, principalmente no coração, que é sede orgânica do sentir. Mesmo numa taquicardia não ocorre aumento de volume sanguíneo, como primariamente poderia se justificar se fôssemos imaginar algo puramente mecânico (numa bomba), mas ocorre sim uma descarga anímica/adrenérgica que promove a taquicardia, com sístoles freqüentes. Isso ocorre na pessoa estressada e é a origem da angina pectoris e do infarto, como veremos no final deste capítulo, a título de ilustração.
Na “periferia” do corpo (nos capilares), o sangue flui espontaneamente. Pode-se bem observar isso no Paramecium, composto de uma célula: a água entra e sai do seu corpo e ele não possui uma “bomba” cardíaca. Também isso ocorre nos amphioxus, animais que não possuem coração, apenas capilares. Pode-se dizer que esses animais têm apenas “vida vegetativa”. Quando os vasos sanguíneos vão se tornando maiores, o sangue vai perdendo o fluxo, e isto não serve para o desenvolvimento da vida da alma (psíquica). Por isso existe a necessidade do coração, que é um órgão tipicamente do animal e do homem (que são possuidores de alma), cuja função precípua é “soerguer” o sangue, que se encontra submetido à gravidade, permitindo assim se ligar de novo com as “leis da periferia”, onde o sangue flui sozinho. O que ocorre na periferia do organismo? Aí vigoram as leis cósmicas não gravitacionais. É o exemplo da “tonelada” de poeira e pó que fica flutuando no ar. A poeira não tem peso “na periferia”, porque vigoram aí outras leis não terrestres, portanto; se diz que vigoram agora as leis cósmicas (periféricas, vitais ou etéricas). O mesmo ocorre na capilaridade do organismo, quando o sangue flui sozinho e vigoram as leis cósmicas-etéricas. Somente quando o sangue chega aos vasos mais calibrosos, ele cai na gravidade e perde velocidade. Há a necessidade de uma força muscular (da alma) para “soerguer” o sangue, com objetivo de “acelerá-lo”. O coração não é o responsável pela impulsão do sangue, porque a circulação acontece sem o coração, como vimos em animais pequenos, mas a sua função básica é “modificar” a circulação, é dar uma acelerada no sangue! Em animais pequenos, a alma não encarna (por isso não necessitam do coração), ao passo que em animais superiores há uma vivência psíquica (e no homem além da alma há o Eu); e a base anatômica para isso é o sistema arterial. Através da pressão sanguínea, “mede-se” a alma dentro do corpo. O trabalho tensional (gerar PA – Pressão Arterial) é 100 vezes maior do que o de impelir o sangue, já que este chega ao coração fluindo. Portanto, a finalidade do coração é produzir pressão e isso corresponde a 99% do seu trabalho. Somente 1% é responsável pelo movimento sanguíneo. Então, quase 100% são para produzir PA. E isto tem a ver com a presença da alma dentro da corporeidade: se o indivíduo está bem “encarnado” ou não. O normal que se observa é uma PA de 120×80 ou 110×70 mm Hg. A pressão baixa denota falta de entrosamento anímico dentro da corporeidade e uma pressão alta denota congestão anímica no sistema rítmico (somatização), em consequência do repuxamento anímico do metabolismo (dessomatização).
A nossa “consciência moral” só existe porque temos um órgão especial para isso, que é o coração. Através dele temos a percepção do aspecto moral, porque nele atua o Eu. Se tivéssemos um coração como o dos peixes, não teríamos uma consciência moral, porque a vida do Sentir nesses animais apenas flui (não apresentam “paradas”). A moralidade, portanto, só existe nos seres humanos, porque se necessita de um órgão cardíaco diferente dos animais. A motivação está no espiritual e por isso o coração é tão complicado. Naturalmente, como se disse, ele tem uma relação com o etérico, a alma e principalmente com o Eu. Pode-se tirar uma importante conclusão: o organismo se forma a partir da função e não de algo pré-existente, de um modelo (genético). É claro que a genética é como um alicerce, mas todo trabalho orgânico segue leis anti-econômicas. Afinal, por que imaginar todo esse esforço anti-fisiológico, complexo e desnecessário? Toda essa complicação parece mais predispor a um processo patológico. E é verdade! Por que todos os seres não seriam como os amphioxus (que não possuem coração) ou os peixes ou os tunicados? Poderemos responder com outra pergunta: Como é a vida psíquica desses animais? Como seria a vida psíquica do homem?
Para uma vida superior precisa-se de um substrato anatômico, de manter o sangue sob uma pressão, “uma dose de estresse”. Estar acordado já é estar sob a ação do sistema nervoso. A musculatura está do lado arterial (aorta), por ser ele um órgão do corpo astral (da alma). Não está do lado venoso, porque o sangue flui pela capilaridade. Portanto, o músculo cardíaco é um órgão anímico. Quando o coração envia sangue ao sistema arterial os esfíncteres pré-capilares se fecham para criar uma pressão sanguínea. A maior força exercida pelo coração é para gerar hipertonia (PA) e precisa-se disso para encarnar a alma, como já foi comentado acima. Toda emotividade sustenta-se na circulação. A polaridade anímica se encarna na circulação, como se pode ver entre o ruborecer e o empalidecer. Por isso os sentimentos estão relacionados à parte rítmica do corpo. No susto, no medo, na palidez facial do susto, o fluxo sanguíneo (pela ação da alma) é levado para a esfera cardíaca, quando o sangue “foge” da periferia. Ou, quando se fica “vermelho de vergonha”, o sangue é “repuxado para cima”, para a face, para a periferia. Portanto, temos a polaridade anímica entre
O coração é formado pelos membros superiores suprassensíveis para seu instrumento. Depois de criado, podemos modificá-lo conscientemente. Por isso o coração é o centro da vida da alma, e realiza aí uma função superior, como órgão de consciência moral, para desenvolver o sentimento. E o sentimento vive na polaridade, entre o gostar não gostar, simpatia antipatia, amor ódio, etc. O coração está entre os dois extremos: o cosmo como a abóbada do céu, que está acima das nossas cabeças e a terra, no metabolismo. Pode-se ver também o coração (o sentimento) entre a polaridade: A “coragem” (que se traduz no excesso de entusiasmo) ou o “medo de morrer”. No meio, tem-se a força do amor, que é o verdadeiro representante do coração. Não é somente a alma (o sentimento) que atua no músculo cardíaco, mas o Eu (espírito), que vive no sangue, no movimento eterno, quando se desenvolve o amor altruísta.
A. M.


http://shakyamuni.net.br/2012/01/06/siga-seu-coracao-ele-e-mais-inteligente-do-que-voce-pensa/


ver

http://www.rosangelaterapeuta.com.br/






http://shakyamuni.net.br/2012/01/06/siga-seu-coracao-ele-e-mais-inteligente-do-que-voce-pensa/


http://now.in/radio/gongascosta



https://www.facebook.com/about/timeline



Marcos Wunderlich

La Jetée.Chris Marker.(1963) 1/3



via
http://ohomemquesabiademasiado.blogspot.com/

http://www.youtube.com/watch?v=ClvTYd4XnEc&feature=player_embedded

Benjamin Biolay - Lyon Presqu'île



http://www.musikki.com/musikki.php?search=Benjamim Biolay

Benjamin Biolay "L'Eau claire des fontaines" Inédit (Extrait Best of 201...




Titre inédit extrait du 1er Best of de Benjamin Biolay "L'Eau claire des fontaines"
Edition Fnac
CD1 :
1. l'eau claire des fontaines
2. dans mon dos
3. dans la merco benz
4. les cerfs-volants
5. à l'origine
6. chère inconnue
7. padam
8. nuage noir
9. qu'est ce que ça peut faire ?
10. bien avant
11. la ballade du mois de juin

CD 2 :
1. négatif
2. los angeles
3. ton héritage
4. brandt rhapsodie
5. la garçonnière
6. la vanité
7. laisse aboyer les chiens
8. la plage
9. novembre toute l'année
10. la superbe
11. des lendemains qui chantent

http://www.youtube.com/watch?v=tEvIZZg_5c0

sábado, 7 de Janeiro de 2012

Misfits



Misfits" written by Neil Young. Recorded by Neil Young and Waylon Jennings providing harmony and guitar on Neil's 1985 album "Old Ways"...lyrics...

Up in that new space station, living Kennedys dream
There was an automatic camera, shooting Elephantine
While the crew was relaxing, before the video screen
Watching old reruns, of Mohammad Ali
Voice of Houston calling, brought them back to the sea
And said the sky is falling, do you know what that means

Out on that Texas sidewalk, through the hotel mezzanine
There walked a see through hooker, to a suite with two teens
But by the elevator, she began to sneeze
With an attack so uncontrollable, it brought her to her knees
And then the hotel doctor, with nurse and stethoscope
Announced the worst is over, but for her there is no hope

Way down in South Dakota, on the Needles Highway
Theres a lone red rider, on the road today
And though his war is over, hes fighting on anyway
Although hes seldom sober, hes drinking whiskey all the way
Down in that old box canyon, where only misfits can go
He rides with no companion, but saloon and rodeo

Up in that new space station, living Kennedys dream
There was an automatic camera, shooting Elephantine
While the crew was relaxing, before the video screen
Watching old reruns, of Mohammad Ali
Voice of Houston calling, brought them back to the sea
And said the sky is falling, do you know what that means

Neil Young - After The Gold Rush



From After The Gold Rush (1970)
---------------------------------------------
AFTER THE GOLD RUSH

Well, I dreamed I saw the knights
In armor coming,
Saying something about a queen.
There were peasants singing and
Drummers drumming
And the archer split the tree.
There was a fanfare blowing
To the sun
That was floating on the breeze.
Look at Mother Nature on the run
In the nineteen seventies.
Look at Mother Nature on the run
In the nineteen seventies.

I was lying in a burned out basement
With the full moon in my eyes.
I was hoping for replacement
When the sun burst thru the sky.
There was a band playing in my head
And I felt like getting high.
I was thinking about what a
Friend had said
I was hoping it was a lie.
Thinking about what a
Friend had said
I was hoping it was a lie.

Well, I dreamed I saw the silver
Space ships flying
In the yellow haze of the sun,
There were children crying
And colors flying
All around the chosen ones.
All in a dream, all in a dream
The loading had begun.
They were flying Mother Nature's
Silver seed to a new home in the sun.
Flying Mother Nature's
Silver seed to a new home.

http://www.youtube.com/watch?v=1e3m_T-NMOs&feature=related

Neil Young - After The Gold Rush

History of Money: The Money Masters 1/2




http://the-banking-system.blogspot.com/

History of Money: The Money Masters 2/2




http://the-banking-system.blogspot.com/

Reflections on Personal Learning Environments



This short video was made in answer to a series of questions emailed to me by students from Portugal


via
http://www.pontydysgu.org/2012/01/reflections-on-personal-learning-environments/

Sigur Ros - Untitled#8 (Heima)




http://quarksegluoes.blogspot.com/


http://pt.wikipedia.org/wiki/Parque_Nacional_da_Peneda-Ger%C3%AAs

www.mutante.com

Sigur Rós - Ára Bátur (HD) (at Abbey Road Studios)




http://www.youtube.com/watch?v=8VvB_UmmIzk&feature=related

Sigur Ros - Njosnavelin [HD]




http://quarksegluoes.blogspot.com/

Doña Concha Piquer - "Ojos verdes"




http://www.youtube.com/watch?v=y8JpAMBO60k

http://www.biografiasyvidas.com/

http://www.biografiasyvidas.com/biografia/r/ribeyro.htm

Roy Orbison - Running Scared (Monument Concert 1965)





http://en.wikipedia.org/wiki/Roy_Orbison


http://www.youtube.com/watch?v=GePCrb8W13o&ob=av2n

Roy Orbison - Crying



http://www.youtube.com/watch?v=cQrgeeS_qbo&feature=related

sexta-feira, 6 de Janeiro de 2012

Lydia - Birds [New 2011]



via
http://theinternetjerk.tumblr.com/

http://www.youtube.com/watch?v=eLHBcL7ByRs

Tom Waits - Chicago

jazz planet tv

http://www.livestream.com/jazzplanettv

Renée Fleming - Ave Maria (Schubert)

A Change Is Gonna Come, Sam Cooke, 1963




I was born by the river in a little tent
Oh and just like the river I've been running ever since
It's been a long, a long time coming
But I know a change gonna come, oh yes it will

It's been too hard living but I'm afraid to die
Cause I don't know what's up there beyond the sky
It's been a long, a long time coming
But I know a change gonna come, oh yes it will

I go to the movie and I go downtown somebody keep telling me don't hang around
It's been a long, a long time coming
But I know a change gonna come, oh yes it will

Then I go to my brother
And I say brother help me please
But he winds up knockin' me
Back down on my knees

Ohhhhhhhhh.....

There been times that I thought I couldn't last for long
But now I think I'm able to carry on
It's been a long, a long time coming
But I know a change gonna come, oh yes it will

Etta James - I'd rather go blind [HQ]

Etta James - I'd Rather Go Blind




Etta James - I'd Rather Go Blind

etta james I'd Rather Go Blind

quinta-feira, 5 de Janeiro de 2012

Pedro Osório - Lançamento do disco - Cantos da Babilónia

Pedro Osório - O Beijo do Sol




O Beijo do Sol, incluido no último disco do maestro Pedro Osório.

Lançamento do disco Cantos da Babilónia de Pedro Osório, na Sala-Galeria Carlos Paredes (SPAUTORES)
18 de Novembro de 2011

Asma - Como usar Inalador (Adultos)




Saiba como utilizador o Inalador para Adultos.
Veja o vídeo e aprenda a forma mais comum e prática de como fazer a medicação de tratamento para a asma.
http://www.youtube.com/watch?v=hFqiiz94T0g&feature=share

Ler Mais Ler Melhor Quem Assim Falou Grandes Frases de Todos os Tempos

Silence Is Golden - Frankie Valli and the Four Seasons



Silence Is Golden - Frankie Valli and the Four Seasons.



http://www.youtube.com/watch?v=d9rJJxKgfDk
Historias-com-Gente-Dentro


Chet Baker - Someone To Watch Over Me



Chet Baker - Someone To Watch Over Me. 1955, Holland. Baker (t, voc), Dick Twardzik (p), Jimmy Bond (b), Peter Littman (d).

Chet Baker Sings Standards




Chet Baker Sings Standards (1956)

1) That Old Feeling (Sammy Fain / Lew Brown)
2) I've Never Been in Love Before (Frank Loesser)

Personnel: Chet Baker (trumpet, vocal), Russ Freeman (piano), Jimmy Bond (bass), Peter Littman (drums)

from the album 'CHET BAKER SINGS'

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=EtdfQjaAF5U

via
http://revistapiaui.estadao.com.br/blogs/questoes-musicais/geral/top-10

Noah Haidu - Where We Are Right Now





http://www.jazzmusicarchives.com/celia-cruz.aspx

http://www.youtube.com/watch?v=uh5TvfO_ylQ&feature=player_embedded#!

quarta-feira, 4 de Janeiro de 2012

RTP - ESTRANHA FORMA DE VIDA - UMA HISTÓRIA DA MÚSICA POPULAR PORTUGUESA

RTP - ESTRANHA FORMA DE VIDA - UMA HISTÓRIA DA MÚSICA POPULAR PORTUGUESA

04-01-2012
1958: ano de eleições, em que Humberto Delgado congrega as esperanças da nação, como recorda o cantautor Vieira da Silva. A RTP, criada no ano anterior, vai-se aos poucos afirmando junto do público, e Luís Andrade e António Fortuna contam como eram esses tempos pioneiros, em que as vozes da rádio passam também a ser as vozes da TV. Maria Clara e Maria de Lourdes Resende continuam a ser as grandes referências, e do teatro musicado chegam Tomé de Barros Queiroz (que nos conta aqui a história por trás da canção “Granada”) e Domingos Marques. O 1º Festival da Canção Portuguesa, em Lisboa, foi um momento marcante para a canção ligeira em Portugal, e nele se destacaram Maria de Fátima Bravo e Simone de Oliveira (que ouviremos neste episódio). Foi também nesta altura que surgiram alguns conjuntos vocais de renome: o 4 de Espadas e o Trio Odemira são aqui recordados, e Júlio e Carlos Costa, mentores deste último grupo, falam sobre a sua carreira. Sempre acompanhado de diversas imagens antológicas provenientes do Arquivo da RTP, há ainda lugar neste episódio para recordar três vozes que nos abandonaram precocemente: Maria Marize e Marina Neves, recordadas por Artur Garcia, e Mirene Cardinalli.

o preço do desejo

o preço do desejo

"Há um Tempo"

Há um tempo de Desafio que está a passar por aqui!
Um tempo em que as nuvens negras anunciadas podem parecer uma ameaça, mas que poderemos transformar em desejo de Águas Fecundas!
Um tempo em que o Espanto pode ser afirmado e permitir ver q...ue a todos e todas chegue o desejo de Ser! Ser Animador para os que tristes se sentem, Esperançoso para os que desacreditam! Ser Disponível para os que não param! Ser Afecto para os amargos! Ser... e Ser!
Precisamos de Ser a Onda que a promove a Esperança!
Precisamos de Fazer Acolhimento para as gotas dispersas e Dizer-lhes que juntos faremos mais Ondas... e tantas Ondas que a Esperança deles se concretize no MAR nosso e deles e de todos!
A Alegria de termos a Coragem de Desafiar-nos!
A Alegria de poder construir o Futuro que é a Esperança de Todos!
A Alegria é a Esperança de estarmos juntos e Sermos!

Precisamos de Ser construtores do nosso futuro. Carecemos de ter ideias novas para os novos problemas e Aplicá-las. Desejamos fazer em cada momento a tarefa de Sermos o que podemos ser: trabalhar até que nos doa o Presente, promovendo a concretização do Futuro!

Precisamos de ser Vizinhos e ser Solidários! Solidários nas Soluções!
Precisamos da Conversa e da Tarefa! Precisamos de Estar com Amigos e e Ser Amigo!
Precisamos de Partilhar a Ideia e o Jeito! E com a Palavra, e o Jeito da Ideia, fazer a Empresa e o Trabalho!

Não queremos ter coisas!
Queremos Ser Solidários, Esperançosos, Desafiadores, Construtores de Soluções e Espantos!
Queremos continuar a Ser.... MAR!

Boas Festas para todos!
A Esperança pode ser Realizada por cada um e para todos!


José Carlos Garrucho

People come into your life for a reason

Cactus World News - Years Later (Extended Mix)-(1986)





http://www.musikki.com/musikki.php?search=Cactus World News


http://www.news-world.us/pics/2009/03/23/qatari-building-makes-like-a-techno-cactus-in-the-desert/

terça-feira, 3 de Janeiro de 2012

Ena Pá 2000 - Dr. Bayard



Cabaret da Coxa

http://www.youtube.com/watch?v=6C8cho9qhDA&feature=share

Arvo Pärt - Christmas Lullaby -berceuse de Noël




Merry Christmas to you!

Composed by Arvo Pärt
Performed by Hespèrion XXI
with Montserrat Figueras, Jordi Savall

Painter - Jan Brueghel

http://www.youtube.com/watch?v=3KPxkKaTmxo&feature=related

Jean-Philippe Rameau: La Orquesta de Luis XV - Concierto de Jordi Savall




http://www.youtube.com/watch?v=v1ItcF7PWRM&feature=related

dexys midnight runners come on eileen





http://www.reverbnation.com/play_now/song_8643672#!/bxn



http://www.youtube.com/watch?v=oc-P8oDuS0Q&feature=player_embedded


http://costonscomplaint.blogspot.com/2011/08/john-maynard-keynes-was-crackpot-self.html

Ten


ComScore


http://www.reverbnation.com/play_now/song_8643672#!/bxn






http://www.youtube.com/watch?v=4Fcj5QVmihc








http://www.reverbnation.com/play_now/song_8643672#!/bxn







http://costonscomplaint.blogspot.com/2011/08/john-maynard-keynes-was-crackpot-self.html

dexys midnight runners come on eileen





http://costonscomplaint.blogspot.com/2011_08_01_archive.html

John Maynard Keynes

http://www.flickr.com/photos/andrecarrilho/5069265246/

Miracle on the Delaware (ca. 1955)




http://www.archive.org/details/Miracleo1955

segunda-feira, 2 de Janeiro de 2012

Dirty Projectors - No More



Off their 2007 album "Rise Above"

Rogério Charraz ao vivo - Festas do Mar 2010

O Homem Voltou




http://www.youtube.com/watch?v=A4Qe22CvKfM&feature=related

José Afonso...Quanto é doce

A Ordem Criminosa do Mundo / El Orden Criminal del Mundo




Excelente!
Documentário exibido pela TVE espanhola, que aborda a visão de dois grandes humanistas contemporâneos sobre o mundo atual: Eduardo Galeano e Jean Ziegler.
Pode se dizer que há algo de profético em seus depoimentos, pois o documentário foi feito antes da crise que assolou os países periféricos da Europa, como a Espanha.
A Ordem Criminal do Mundo, o cinismo assassino que a cada dia enriquece uma pequena oligarquia mundial em detrimento da miséria de cada vez mais pessoas pelo mundo. O poder se concentrando cada vez mais nas mãos de poucos, os direitos das pessoas cada vez mais restritos. As corporações controlando os governos de quase todo o planeta, dispondo também de instituições como FMI, OMC e Banco Mundial para defender seus interesses. Hoje 500 empresas detém mais de 50% do PIB Mundial, muitas delas pertencentes a um mesmo grupo. (Docverdade)

http://www.youtube.com/watch?v=GYHMC_itckg&feature=share

Astrud Gilberto - Corcovado (Quiet Nights of Quiet Stars)




http://www.youtube.com/watch?v=M1StgFKtXCs

THE GOLD RUSH (1925)




http://www.youtube.com/watch?v=tGOPYzqSFBg&feature=related


http://www.centromariodionisio.org/

Japanese Garden Meditation



“What’s encouraging about meditation is that even if we shut down, we can no longer shut down in ignorance. We see very clearly that we’re closing off. That in itself begins to illuminate the darkness of ignorance.”
- Pema Chodron-



http://www.thehappyself.com/45-benefits-of-meditation


http://www.thehappyself.com/meditation-techniques

The Power of Small Talk




http://www.marcandangel.com/2009/09/28/how-small-talk-can-save-your-life/


http://www.thehappyself.com/the-power-of-small-talk

domingo, 1 de Janeiro de 2012

Aguaviva - Poetas andaluces (1975)




http://www.youtube.com/watch?v=NVA5ifLis1E&feature=related

Juan Carlos García Hoyuelos -Se lo dije a la noche- Fragmentos canciones...



via
http://amanhapublico.blogspot.com/

LOST HORIZON (1973) Part 1




http://www.youtube.com/watch?v=OTFS4MSKgH8

Abney Park - Twisted & Broken



http://www.youtube.com/watch?v=m5WwnLIfDOQ&feature=related

Abney Park - Airship Pirate



Our fires high and the airbags tight
Food's low but the skies are bright
Props spinning all through the night
We're low on cash but seen another target

Goggles down and the cannons up
My blood starts pumping as I drain my cup
I give the wheel a spin and I turn this girl around
We're way above ground but we're closed in on our target

Flying Jib is filled with air
East India ships filled with despair
We even up, her broadsides bare
Our cannons flair but its just a show of muscle

Steady on, she doesnt need to burn
She tries to flee and she tries to turn
Grappling fire, we latch her hull
Shes starting to roll, but weve got her on a leash

With a crew of drunken pilots
Were the only airship pirates
Were full of hot air and were starting to rise
Were the terror of the skies, but a danger to ourselves now

Expendable crew starts to reel her in
Our swords are sharpened and we're ready to sin
Im three miles up, we're about to swing aboard
My tether's made of leather so Im not about to fall here

A swish of air and my boots hit deck
No cash, no fuel, no not a speck
Our grape shots made this bird a wreck
And a glance below deck shows a crew of nuns and orphans

With a crew of drunken pilots
Were the only airship pirates
Were full of hot air and were starting to rise
Were the terror of the skies, but a danger to ourselves


http://www.youtube.com/watch?v=YPH1OoTobtk

samba com pressa - rosa passos